5 DICAS ESSENCIAIS PARA O MONITORAMENTO DE REDE DA SUA EMPRESA

5 DICAS ESSENCIAIS PARA O MONITORAMENTO DE REDE DA SUA EMPRESA

Qualquer que seja o tamanho de sua empresa, sua localização ou sua atividade fim, uma coisa é certa: no mundo corporativo, o seu negócio precisa de uma rede de alto desempenho para apoiar sua atividade empresarial. E enquanto sua empresa cresce, ela também aumenta o número de colaboradores e clientes. Por isso, o monitoramento de sua rede é um aspecto bem importante, tanto para saber se os empregados estão operando adequadamente, quanto para entender se a rede está funcionando conforme o esperado.

Soluções de monitoramento de rede constituem uma alternativa para o rastreamento manual de todos os seus servidores, switches, roteadores e demais equipamentos. Mas essa escolha é ainda um fator complicado para a maioria dos gestores. Hoje, listaremos 5 para você não errar na hora dessa decisão tão importante para os negócios, conservando a sua rede em alto desempenho.

1.      Identifique os relatórios que o sistema irá proporcionar

Uma boa solução de monitoramento de rede será capaz de fornecer relatórios amigáveis, que você seja capaz de entender facilmente toda a informação que seja fundamental para o desempenho adequado da rede. Isso pode incluir diversos referenciais e fatores, como a largura da banda, registros de segurança, dados de tráfego, entre outros pontos. Vale a pena que se opte por um controle que possa ser acessado 24 horas por dia, sete dias na semana, de maneira que o dono do negócio ou o gestor de TI visualize essas informações quando quiserem ou for mais conveniente.

2.       Entenda os processos que existem no caso de um incidente de segurança

Ainda antes de escolher a solução de monitoramento de rede ideal para o seu negócio, deve-se estudar bem os processos de como os incidentes de segurança em sua rede serão tratados. A resposta a tais eventos deve ser considerada a partir de uma variedade de perspectivas, o que inclui o método simples de notificação, entre outras propostas mais eficientes. A pesquisa apontará a maneira mais conveniente para que sua equipe possa remediar o problema com mais agilidade.

3.       Analise a flexibilidade da solução escolhida

Há, pelo menos, três aspectos que devem ser considerados no que diz respeito à flexibilidade de uma solução de monitoramento de rede: sua integração, a personalização e a escalabilidade. O que será contratado deve permitir ótima coesão com outros sistemas de TI que operem na sua rede, de forma que não impeça que você tenha uma visão holística de seu arcabouço e arquitetura. O nível de usabilidade pode ser um fator-chave para seu negócio, e por isso, a solução escolhida deve ser adaptável aos fluxos de trabalho existentes hoje em dia em sua empresa, possibilitando bom acompanhamento às necessidades futuras de seu negócio.

4.       Verifique o tamanho e a disponibilidade de seus recursos internos de TI

A capacidade de seus recursos internos de tecnologia da informação deve ser harmônica à infraestrutura necessária para se implementar a solução de monitoramento de rede. Deve-se ter pessoal especializado a fim de cobrir a apreciação de relatórios, triagem de processos e o enfrentamento imediato dos incidentes, entre outras atividades. Se você estiver preocupado com a capacidade de seu time para lidar com a carga de trabalho, considere uma parceria com uma boa empresa de serviços de monitoramento e gerenciamento da infraestrutura, pois isso poderá apoiar o serviço de maneira eficiente.

5.       Pesquise e antecipe-se aos eventuais problemas que possam surgir

Analise bem os critérios de segurança e os ocasionais contratempos que poderá ter a partir da instalação da solução de monitoramento que se está inclinado a adquirir. A medida preventiva irá indicar os padrões e mecanismos disponíveis para afastá-los ou corrigi-los a tempo, sem que a operacionalidade da empresa seja tão afetada.